Os resíduos de serviço de saúde precisam de cuidados especiais por serem nocivos para as pessoas e natureza, uma vez que concentram alto grau de proliferação de bactérias e doenças infecciosas. Por causa disso, os materiais enquadrados nessa categoria são separados em grupos de risco. O manuseio dos objetos varia de acordo com a classificação deles, que vai do A ao E.

A classificação ocorre da seguinte forma: potencialmente infectantes (Grupo A), químicos (Grupo B), rejeitos radioativos (Grupo C), resíduos comuns (Grupo D) e perfurocortantes (Grupo E). O grupo A, dos potencialmente infectantes, engloba bolsas transfusionais contendo sangue, peças anatômicas, vísceras, filtros de ar e gases aspirados de área contaminada, sobras de amostras de laboratórios e seus recipientes (incluindo os que contém fezes, urina e secreções), entre outros. Este grupo apresenta características de maior virulência ou concentração.

No grupo B encontramos os resíduos que possuem substâncias químicas, como antimicrobianos, hormônios sintéticos, quimioterápicos, mercúrio, resíduos de metais pesados, medicamentos vencidos, contaminados, interditados, parcialmente utilizados e impróprios para consumo. Por sua vez, os materiais enquadrados no grupo C são os que possuem o símbolo internacional de substância radioativa e que, devido ao alto grau de risco, precisam ser manuseados por pessoal capacitado.

Os resíduos que não apresentam risco biológico, químico ou radioativo, ficam separados no grupo D. Entre os mais comuns estão os papéis de uso sanitário, fraldas, absorventes, peças descartáveis de vestuário e sobras de alimentos. Objetos que podem ou não apresentar risco, como agulhas, lâminas de barbear e de bisturi, ampolas de vidro, brocas e similares, ficam alojados no grupo E.

Classificar os resíduos é extremamente importante para facilitar o manuseio correto de cada tipo de material, considerando as variáveis de risco e potenciais danos que podem ser causados ao homem e ao meio ambiente. Portanto, é imprescindível realizar a separação dos objetos com cautela, minuciosamente, para evitar contaminações e obter o melhor resultado possível no gerenciamento deles.

Fale com um dos nossos consultores e buscaremos a melhor solução para o seu resíduo. Clique aqui e preencha nosso formulário.